Rua Tte. Gomes Ribeiro, 78, cj111
São Paulo - SP
Seg - Sex 9h00 às 19h00
11. 5084-2976

Atrofia genital

Após a menopausa, com a queda dos níveis de estrogênio, ocorre importante modificação do epitélio vaginal que se torna mais fino, menos vascularizado e com perda da sua elasticidade e lubrificação.

Estas alterações repercutem também na composição da flora vaginal que se torna mais vulnerável a infecções genitais e urinárias.

Com o passar dos anos, estas alterações impactam na qualidade de vida dessas mulheres seja emocional, social ou sexual.

Dificuldade ao coito pelo ressecamento excessivo da vagina e sintomas urinários como incontinência e urgência miccional fazem parte da chamada Síndrome Urogenital.

A terapia de reposição de estrogênios pela via sistêmica ou vaginal pode melhorar esta condição. Contudo, algumas mulheres têm, de alguma forma, restrição ao uso de estrogênios.

Sendo assim, terapias têm surgido para aliviar tais sintomas como o uso da alta frequência fracionada (FRAXX) ou o Laser de CO2 com bons  resultados e melhora na qualidade de vida destas mulheres.

Leave a Reply